O rosto que provavelmente você já viu

A modelo Noelle Nogueira abordou, em entrevista bastante descontraída, detalhes da profissão.

Noelle Nogueira, modelo fotográfica de 25 anos. Nasceu em Piracicaba, interior de São Paulo, passou parte da vida em Catanduva, e atualmente mora em Dubai, Emirados Árabes. O pai também é modelo, além de ator.


A entrevista com Noelle foi leve. Ela é daquele tipo de pessoa que conversa contigo parecendo que já te conhece a muito tempo, tornando tudo muito confortável. Por conta disso, fizemos um verdadeiro enlace entre vida pessoal e carreira, e como ambas se inter-relacionam no mercado da moda. Cerca de 40 minutos foram suficientes para o mar de conteúdo que se transcreve à seguir.

Foto: Tiago Mynt (EDITADA)

VINICIUS:  Te ocorreu em algum momento que você era muito bonita?

NOELLE: Sempre escutei isso desde criança.

VINICIUS: Então desde sempre você teve o discernimento de que alguma coisa de errado tava certa ali.

NOELLE: Já, porque mesmo quando eu era bebê eu era muito bonita, então sempre escutei desde criança “nossa, como você é linda”, minha família falava o tempo todo, na rua falavam…

VINICIUS: Gente bonita tem a vida mais fácil mesmo ou é mito isso?

NOELLE:  hahahahah Nossa, você quer tirar todos os segredos possíveis!

VINICIUS:  Todos!

NOELLE:  Depende, depende… Pra algumas coisas sim, pra algumas coisas não. Eu acho que a pessoa fica o tempo todo assim… por exemplo, eu tenho o problema de que não consigo ter amigos homens, porque todos sempre querem, ficam apaixonados. Até o cara do Uber fica apaixonado e eu já quero cortar a conversa, então é um pouco complicado isso.

VINICIUS: Você recebe flores, cartinhas, essas coisas?

NOELLE:  Já recebi quando era solteira.

VINICIUS:  Imagino como é uma cartinha em Dubai, né, com todo aquele alfabeto…

NOELLE:  hahah Não, nunca recebi cartinha em Dubai, porque  lá [está no Brasil] eu só morei casada, nunca morei solteira. Mas é um pouco chato do pessoal mandando mensagem no instagram toda hora “oi, oi, oi, linda, linda, linda”, pessoal que você nem conhece.

VINICIUS:  É, porque tem duas coisas: uma coisa é ser bonita, e a outra é ser bonita num mundo totalmente machista.

NOELLE:  É, mas quando eu tô atravessando a rua, normalmente o cara [motorista] para, então esse é o lado bom de ser bonita hahahah.

“é um pouco chato do pessoal mandando mensagem no instagram toda hora “oi, oi, oi, linda, linda, linda”, pessoal que você nem conhece.”

VINICIUS:  E você tem 25… Com quantos anos você se casou?

NOELLE:  Casei esse ano.

VINICIUS:  Ah, que legal, você ainda tá nos primeiros meses…

NOELLE:  É.

VINICIUS:  E como está sendo? É bom casar mesmo?

NOELLE:  Sim. Era o segundo sonho, casamento, o primeiro era ser modelo.

VINICIUS:  É sempre uma questão interessante: há as que querem total independência e as que querem casar…

NOELLE:  Ah, acho que você tem que casar com uma pessoa que te apoie em tudo, tem que ter o meio termo, não pode abrir mão da carreira.

VINICIUS: Te assusta você chegar, por exemplo, aos 45?  Te assusta envelhecer?

NOELLE:  Sim, assusta.  Eu gosto bastante da minha aparência. Eu me cuido pra envelhecer o mínimo possível.

VINICIUS:  Você é uma modelo de sucesso, então você teve o seu jeito de chegar lá. Como que faz?

NOELLE:  Antigamente os cachês eram maiores. Os comerciais pagam mais também.

VINICIUS:  E sempre precisa de uma agência?

NOELLE:  Sim, porque senão não tem como te indicar.

VINICIUS:  Como faz para distinguir uma agência de um golpe?

NOELLE:  Eu já caí em um quando era mais nova. Você tem que ver os grandes nomes, sempre procurar site oficial, página oficial verificada e nunca acreditar em promessa desse povo de rua ou e-mail que você recebeu, porque tem muita gente que se passa.

Outra coisa que é fundamental: quando você vai na agência, a agência não te vende o book de dois mil reais. A agência te indica pro fotógrafo pra você fazer o próprio book. Quando a agência vive de book ela fala “olha, é dois mil reais o book, faz aqui mesmo, traz as suas roupas…”, normalmente é assim que é o golpe da agência.

VINICIUS: Semelhante ao golpe do empréstimo em que te pedem depósito antecipado.

NOELLE:  Não, até faz o book, mas fica horrível, cobra uma coisa que é a mais, e nem é o valor que cobram de bons fotógrafos.

VINICIUS:  E vai muito das credenciais do cara que está à frente, né?

NOELLE:  Eu acho que contar com a família quando você vai começar, pra ajudar a distinguir e não acreditar em promessa demais, porque mesmo o agenciador não tem como te garantir fechar algum trabalho, depende de você fechar o trabalho. Tudo depende do seu trabalho, se você sabe posar bem, se tem desenvoltura na hora de falar, se vender.

VINICIUS:  E como faz pra menina desencantar dessa ideia de que vai estourar logo de cara?

NOELLE:  Normalmente ela aprende na prática hahahah.

VINICIUS:  Na prática, não tem outro jeito. Ou tem?

NOELLE:  Não tem outro jeito, porque todo mundo acha que “ai, porque a pessoa tá bonita”, mas rala muito, são muitos testes, aí pega ônibus, tem que levar salto. E normalmente trabalha-se muito. Tem trabalhos que são fáceis, mas às vezes eu não paro nem pra fazer xixi, pra render, tipo quando é look book, pra fazer mais vestidos, mais looks. Quando é catálogo tem 50, 60, 70 looks e você tem um dia pra fazer.

Não é essa glamourização que falam, mas lógico que é legal. Eu, pelo menos, adoro me ver nas campanhas, me sinto mais bonita. Acho que essa é a parte boa hahah.

VINICIUS: Acho que essa questão do sentir-se bonita é interessante. Você tem como ferramenta de trabalho a sua beleza, e tem momentos que dá essa sensação boa. Há momentos de tristeza?

NOELLE: Tem, eles cobram muito, cobram um padrão muito irreal: cabelo perfeito, pele perfeita, dente perfeito, e muitas meninas não tem como ter esse investimento.

“Não é essa glamourização que falam, mas lógico que é legal. Eu, pelo menos, adoro me ver nas campanhas, me sinto mais bonita.”

VINICIUS:  Como é essa cobrança? É feita com broncas?

NOELLE: Normalmente falam que você tem que melhorar, que seu cabelo não tá bom, que os clientes falaram que você tem frizz, ou que o dente tem que arrumar. Normalmente você tem permutas em salão, mas se é muito grave não resolve.

VINICIUS:  E mexe com o psicológico isso?

NOELLE:  Mexe. É bem pesado, mas talvez eu não tivesse aprendido a me vestir tão bem e a me maquiar tão bem se eu não tivesse sido modelo. Se tivesse ficado só na vida do interior talvez eu não tivesse toda essa personalidade e essa imagem, porque eles ensinam. Quando é new face eles ensinam, dão palestras sobre o jeito que tira fotos, as roupas que tem que usar – sempre preto, pra alongar -, então tem um lado bom e um lado ruim, como tudo na vida, né?

VINICIUS:  Sim. E tem a questão de cuidar do seu próprio instrumento de trabalho que é você, sua beleza. Como é sua rotina?

NOELLE:  Academia sempre. Uma coisa muito importante é uma psicóloga pra ter uma estrutura emocional que eu já não tive numa época. Não é fácil, são muitas críticas o tempo todo. Você pega muitos trabalhos, mas também não pega muitos. Se alimentar bem, ficar sempre posando no espelho pra melhorar e tentar criar uma rotina assim.

VINICIUS:  Você faz terapia até hoje?

NOELLE:  Faço.

VINICIUS:  E tem te ajudado, imagino.

NOELLE:  Me deu muito mais estrutura do que antes.

“Não é fácil, são muitas críticas o tempo todo. Você pega muitos trabalhos, mas também não pega muitos.”

VINICIUS:  Você falou das críticas. Ainda se recebe muito não, mesmo no seu nível de carreira?

NOELLE:  Sim, claro.

VINICIUS:  Hoje você é parte de uma agência que têm clientes. De onde vem as críticas à você, da agência ou dos clientes?

NOELLE:  Normalmente da agência, que fala no que você tem que melhorar. Porque a agência te dá um suporte, além de te agenciar. Se não tá ornando o cabelo ela fala pra cortar… e  tem os parceiros, né, que eles indicam pras permutas.

VINICIUS:  Quais as críticas mais frequentes que você ouve?

NOELLE:  Acho que eu e todas, principalmente de perder peso, peso, peso…

VINICIUS:  Entendi. Tanto da fotografia quanto da passarela, imagino.

NOELLE:  Não, da passarela é muito mais.

VINICIUS: E você fica num estado de vigilância, ansiedade, né…

NOELLE:  É, eu nunca tive ansiedade, mas gera sim.

VINICIUS:  E já te deu medo de ter problemas psicológicos associados ao peso, como anorexia e bulimia?

NOELLE:  Eu nunca tive porque sempre fui magra e sempre tive esse padrão de gostar de ser magra, mas já tive compulsão de tanto fazer dieta.

VINICIUS:  Compulsão por dieta ou compulsão alimentar?

NOELLE:  Compulsão alimentar depois de fazer tanta dieta. De tanto me restringir de comer, quando eu comia, comia tudo o que via pela frente, daí a compulsão.

VINICIUS:  E que pensamento fazia isso acontecer?

NOELLE:  Eu cortava carboidrato por muito tempo, aí o dia que eu não aguentava eu comia doce e pensava “ah, já que eu já comi um doce hoje, vou comer tudo o que eu tenho direito pra amanhã recomeçar”, e ficava nesse ciclo vicioso até que perdi o controle, uma vez,

VINICIUS: Dá crises?

NOELLE: Não, é que daí eu não conseguia mais fazer essa dieta e acabava engordando, mas nada absurdo, mas o padrão de modelo é ‘muito magro’.

“De tanto me restringir de comer, quando eu comia, comia tudo o que via pela frente.”

VINICIUS:  Qual sua altura?

NOELLE:  Tenho 1,70cm , mas pra passarela é 1,75.

VINICIUS: Meu Deus, 5 cm e não pode, que coisa. Faz um coque e pronto.

NOELLE:  hahahah um coque…

VINICIUS: E fora o salto…

NOELLE: De salto ficam bem mais altas.

VINICIUS: É engraçado porque a gente que assiste desfile, muitas dessas coisas que você fala de altura e talzs, não reparamos.

NOELLE:  Mas é que ao vivo é diferente né, pra TV a altura não é importante.

VINICIUS: Ah sim, lá na hora é importante.

NOELLE:  É mais pra um catálogo que é importante. Na TV, se você tiver muita altura, não é bom.

VINICIUS: Ah, olha isso, é o contrário.

NOELLE:  Sim, normalmente as atrizes brasileiras tem 1,65cm

VINICIUS:  E qual sua relação com a TV? Já foi, já fez, vai fazer?

NOELLE:  Ai, não sei hahahahah, nunca tentei. Já fiz a abertura da malhação, mas nunca tentei interpretar. Já fiz cursos, claro, mas ai… Não sei, acho que entro muito no personagem.

VINICIUS: Ah sim, depois não consegue desapegar do personagem…

NOELLE:  Não sei, nunca tive essa prática. Gosto mais de modelar do que de ser atriz.

VINICIUS: Sua assessora falou, também, de escola de samba, que você teria recebido um convite. Eu não te imagino em escolha de samba, mas vi pouco o seu rosto.

NOELLE:  hahahahah, ah, a gente tá vendo… Tem que estar aberta às propostas pra depois escolher o que é melhor.

VINICIUS: Entendi. E tem uma escola de samba já?

NOELLE:  Olha eu ainda tô … hahahah … tô pensando…

VINICIUS:  Bom, pelo menos já sabemos que você sabe sambar, né?

NOELLE:  hahahah eu sei um pouco né, a gente tenta. Mas eu gosto de dança.

VINICIUS: Pensou em ser dançarina?

NOELLE: Não.

VINICIUS: Você em um foco muito grande pra modelo, né?

NOELLE:  Sim, sempre foi um sonho, desde criança, então nunca imaginaria outra coisa.

Eu tenho um reels que fiz no instagram, posso te mandar, que é uma trajetória curta da minha carreira. Não deu pra colocar muita foto, mas deu pra ver a evolução, coloquei vários anos… 8,9, 14, 15, 16 anos…

VINICIUS:  Manda sim que vou tentar likar nesse pedaço da entrevista pra ficar bem completo.

NOELLE:  Tá bom, mando sim.

VINICIUS:  Já temos bastante coisa aqui. 28 minutos de entrevista e rendeu mais do que…

NOELLE:  Olha o que você vai colocar ein, pra não me deixar mal hahahah que eu falo demais.

VINICIUS:  Você já pensou em lançar um livro? Você tem muito conteúdo.

NOELLE:  Ah, só se eu falasse e você escrevesse hahahahahah, porque…

VINICIUS:  Combinado! Já ganho aí um royaltie hahahah.

NOELLE:  Porque eu não sei o que falar, acho que se tivesse uma orientação e um…

VINICIUS:  Um ghost,  né? Um ghost writer…

NOELLE:  … uma direção seria mais fácil. Pra mim é tão natural que eu nem penso que as pessoas não sabem disso [ coisas do mundo da moda ]  porque eu já vivi tanto…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s