Parlamentares começam a entender a contradição entre poderes

Prefeito Eduardo Barison e Presidente da Câmara Elisângela Maziero, ambos do PSD

Explorando a práxis da vereança, começam a surgir os primeiros sinais de que algo está terrivelmente errado… alguma engrenagem roda no sentido diferente do que deveria rodar… E alguns novos vereadores de Mococa parecem estar caindo na crise da contradição em que se meteram.

O parlamento só se tornou parlamento (em cerca de 930 D.C) quando tornou-se popular, substituindo os velhos conselhos monárquicos, que faziam nada mais do que concordar com o rei para não terem suas cabeças guilhotinadas… Em sua raiz histórica mais profunda, parlamento significa oposição… oposição a quem executa. Por isso mesmo foi delegado ao poder legislativo a tarefa de fiscalizar, que é ato essencialmente oposicionista (ninguém pode ser fiscalizado pelo melhor amigo).

Aos poucos as tais demandas populares, os tais anseios do município, o olho ativo no orçamento… tudo isso vai dando ao parlamentar a necessidade de escolher: ou abraçar a promiscuidade da aliança, ou exercer o papel altivo e soberano de alguém eleito para incomodar o monarca.

Seja por meio dos “disk vereador”, dos requerimentos que abarrotam o setor de protocolo, das indicações que raramente viram realidade, ou das leis que são aprovadas na pressa e sem um mínimo de leitura e estudo, o fato é que o povo, ao tomar para si o poder, vai entendendo as contradições em que a realidade social está imersa.

E agora? Irão os entrépidos vereadores peitar o gerente sênior da empresa Maziero’s Governments?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s